CARTÃO DA GESTANTE E DEPOIMENTOS DAS PUÉRPERAS: CORRESPONDÊNCIA DAS INFORMAÇÕES

  • Marcela Andrade Pereira Silva Universidade Estadual de Maringá - UEM
  • Angela Andreia França Gravena Centro Universitário Cesumar – UNICESUMAR
  • Marcela de Oliveira Demitto Universidade Estadual de Maringá - UEM
  • Rayanne Accorsi Universidade Estadual de Maringá - UEM
  • Cátia Milene Dell’ Agnolo Universidade Estadual de Maringá - UEM
  • Sandra Marisa Pelloso Universidade Estadual de Maringá - UEM
Palavras-chave: Indicadores de Qualidade em Assistência à Saúde, Avaliação em saúde, Cuidado prénatal

Resumo

Objetivo: analisar a correspondência entre os dados registrados no cartão da gestante e informações fornecidas pelas puérperas. Método: trata-se de um estudo descritivo, retrospectivo, de corte transversal, realizado com 425 puérperas em pós-parto mediato, internadas em uma maternidade de um município do Noroeste do Paraná. Resultados: A correspondência entre os registros do cartão da gestante e o relato das puérperas foi forte entre as informações à respeito da história clínica e obstétrica da mulher, e discreta em relação aos procedimentos clínicos e exames complementares. Conclusão: Tanto o subregistro do cartão da gestante, quanto a possível confusão materna, pode ter contribuído para os devidos graus de concordância. No entanto, o grande número de cartões sem preenchimento, evidencia uma subutilização do instrumento de comunicação entre os profissionais que acompanham a mulher durante o pré-natal, parto e puerpério, podendo influenciar negativamente na qualidade da assistência e na saúde da mulher e da criança.

Publicado
2018-10-07