UM CENÁRIO DA RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS NOS CURSOS DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA DA REGIÃO SUL DO BRASIL

  • Andresa Maria Justulin UTFPR

Resumo

O objetivo deste artigo foi investigar como a Resolução de Problemas se apresenta nos Cursos de Licenciatura em Matemática da Região Sul do Brasil. Para isso, buscaram-se elementos nos documentos e ementas dos cursos cadastrados no portal e-MEC e por meio de consulta individual nos sites das universidades. A pesquisa apresentou uma abordagem qualitativa, na modalidade documental, na tentativa de compreensão dos significados e características situacionais. Os resultados indicam que em 43 dos 49 cursos em que foi possível obter os dados, a Resolução de Problemas é trabalhada como tópico de ementa de uma ou mais disciplinas da Educação Matemática. Além disso, em dois cursos a Resolução de Problemas é disciplina obrigatória e em quatro, é abordada como disciplina optativa. Algumas fragilidades para a realização desta pesquisa foram: quanto o acesso às matrizes curriculares dos cursos e às referências utilizadas; cursos em processo de extinção, sem informações no site das instituições e cursos em reformulação, cujo novo cenário pode apresentar divergências em relação aos dados obtidos no levantamento realizado.

Referências

ALLEVATO, N. S. G.; ONUCHIC, L. R. Ensino-Aprendizagem-Avaliação de Matemática: porque Através da Resolução de Problemas? In: ONUCHIC, L. Rosa; ALLEVATO, N. S. G.; NOGUTI, F. C. H.; JUSTULIN, A. M. (Orgs.). Resolução de Problemas: Teoria e Prática. Jundiaí: Paco Editorial, 2014. pp. 35-52.

ANDERSON, J. Mathematics Curriculum Development and the Role of Problem Solving. Anais... ACSA Conference, Austrália: 2009. Disponível em: Acesso em: 20. set. 2016.

ANDRADE, S. Ensino-aprendizagem de Matemática via Resolução, Exploração, Codificação e Descodificação de Problemas. 1998. 325f. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) - Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho, Rio Claro, 1998.

BOGDAN, R.; BIKLEN, S. Investigação qualitativa em Educação: fundamentos, métodos e técnicas. In: ______. (Org.). Investigação qualitativa em educação. Portugal: Porto Editora, 1994. p. 15-80.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação. Diretrizes Curriculares Nacionais para a formação inicial em nível superior (cursos de licenciatura, cursos de formação pedagógica para graduados e cursos de segunda licenciatura) e para a formação continuada. Resolução CNE/CP nº 2, de 01 de julho de 2015.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação Inicial de Professores para a Educação Básica e Base Nacional Comum para a Formação Inicial de Professores da Educação Básica (BNC-Formação). Resolução CNE/CP nº 2, de 20 de dezembro de 2019. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/docman/dezembro-2019-pdf/135951-rcp002-19/file. Acesso em: 20 abr. 2021.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria da Educação Básica. Orientações Curriculares para o Ensino Médio – Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias. vol 2. Brasília: MEC/ SEB, 2006.

BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Matemática (5 a 8 séries). Brasília: MEC/SEF, 1998.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Média e Tecnológica. Parâmetros curriculares nacionais: ensino médio. Brasília, 1999. 394p.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica. Projeto Pedagógico de Curso Superior Licenciatura em Matemática. Instituto Federal Catarinense – Campus Avançado Sombrio. 2017. Disponível em: http://matematica.sombrio.ifc.edu.br/wp-content/uploads/sites/9/2019/02/PPC-2017.pdf. Acesso em: 20 jun. 2020.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica. Projeto Pedagógico Curso Superior de Matemática – Licenciatura. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - campus Osório. 2019. Disponível em: https://ifrs.edu.br/osorio/wp-content/uploads/sites/9/2019/06/PPC-Mat-Os%C3%B3rio-Atual-Resolu%C3%A7%C3%A3o-n%C2%BA-15-de-2019.pdf. Acesso em: 25 nov. 2020.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2017. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/BNCC_EI_EF_110518_versao
final_site.pdf. Acesso em: 05 set. 2020.

CAI, J. What research tell us about teaching mathematics through problem solving. In: LESTER, F. K. (Ed.) Teaching mathematics through problem solving: Prekindergarter – Grade 6. Reston: NCTM, VA, 2003. pp. 241-253.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

MORAIS, R. S.; JUSTULIN, A. M. Resolução de Problemas – Entre o tudo e o nada: possíveis articulações. Revista de Matemática, ensino e cultura (REMATEC). Rio Grande do Norte, ano 11, n. 21, jan-abr. 2016. pp. 91-108. (Temático: Resolução de Problemas na Educação Matemática).

NOGUTI, F. C. H. Um curso de Matemática Básica através da Resolução de problemas para alunos ingressantes da Universidade Federal do Pampa – Campus Alegrete. 2014. 370 p. Tese (Doutorado em Educação Matemática) - Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho, Rio Claro, 2014.

ONUCHIC, L. R. Ensino-aprendizagem de Matemática através da Resolução de Problemas. In: BICUDO, M. A. V. (Org.). Pesquisa em Educação Matemática: concepções e perspectivas. São Paulo: Editora da UNESP, 1999. p. 199-218. (Seminários e Debates).

ONUCHIC, L. R.; ALLEVATO, N. S. G. Novas reflexões sobre o ensino-aprendizagem de Matemática através da resolução de problemas. In: BICUDO, M. A. V.; BORBA, M. C. (Org.). Educação Matemática - pesquisa em movimento. 1. ed. São Paulo: Cortez, 2004. p. 213-231.

ONUCHIC, L. R.; ALLEVATO, N. S. G. Pesquisa em Resolução de Problemas: caminhos, avanços e novas perspectivas. Bolema - Boletim de Educação Matemática, Rio Claro, SP, v. 25, n. 41, p. 73-98, dez. 2011.

STANIXPOLYA, G. A arte de resolver problemas. Trad. e adapt.: Heitor Lisboa de Araújo. Rio de Janeiro: Interciência, 2006.

SCHOEN, H. L.; CHARLES, R. I. (Eds). Teaching Mathematics Through Problem Solving, Grades 6-12. Reston, VA, 2003.

URI. Plano de Ensino. Universidade Regional Integrada do alto Uruguai e das missões. Frederico Westphalen, s.d. Disponível em: http://www.fw.uri.br/NewArquivos/curriculo/64.pdf. Acesso em: 15 nov. 2019.
Publicado
2021-09-30
Como Citar
Justulin, A. (2021). UM CENÁRIO DA RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS NOS CURSOS DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA DA REGIÃO SUL DO BRASIL. Revista Paranaense De Educação Matemática, 10(22), 267-289. Recuperado de http://revista.unespar.edu.br/index.php/rpem/article/view/922
Seção
Artigos Científicos