MODELAGEM MATEMÁTICA E PROCESSOS CRIATIVOS: MAPEAMENTO DE PESQUISAS RECENTES

  • Maria Luísa Santos Silva
  • Zulma Elizabete de Freitas Madruga

Resumo

Este artigo apresenta um mapeamento de pesquisas acadêmicas relacionadas à Modelagem na Educação e aos Processos Criativos, cujo objetivo é analisar como estes referenciais teóricos se apresentam em pesquisas direcionadas ao ensino e aprendizagem de matemática e/ou em diferentes campos profissionais. Como abordagem metodológica, foi utilizado o Mapeamento na Pesquisa Educacional, com dados obtidos a partir do Catálogo de Teses e Dissertações da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES. A análise foi realizada a partir de cinco categorias, definidas a priori: a) problemas investigados/interesses de pesquisa; b) referenciais teóricos das pesquisas; c) metodologias utilizadas nas pesquisas; d) principais resultados das pesquisas; e e) perspectivas de continuidade. Este estudo possibilitou identificar associações dos marcos teóricos, evidenciando e apresentando embasamento acerca das possibilidades de se realizar trabalhos com Modelagem na Educação, utilizando os Processos Criativos em diferentes campos profissionais.

Referências

ALMEIDA, L. M. W; DIAS, M. R. Um estudo sobre o uso da Modelagem Matemática como estratégia de ensino e aprendizagem. Bolema, Rio Claro, v. 17, n. 22, p. 19 -35, set. 2004.

ALMEIDA, L. M.W; SILVA, Karina Pessoa da; VERTUAN, Rodolfo Eduardo. Modelagem Matemática na Educação Básica. São Paulo: Editora Contexto, 2013.

BARBOSA, J. C. Modelagem Matemática na sala de aula. Perspectiva, Erechim (RS), v. 27, n. 98, p. 65-74, 2003.

BARBOSA, J. C. Modelagem matemática: Concepções e experiências de futuros professores. 2001.Tese (Doutorado em Educação Matemática) – Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática, Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, 2001.

BARBOSA, J. C. Modelagem Matemática: O que é? Por que? Como? Veritati, Salvador, n. 4, p. 73- 80, 2004.

BASSANEZI, R. C. Ensino-aprendizagem com modelagem matemática: uma nova estratégia. São Paulo: Editora Contexto, 2002.

BIEMBENGUT, M. S. 30 Anos de Modelagem Matemática na Educação Brasileira: das propostas primeiras às propostas atuais. Alexandria: Revista de educação em ciência e tecnologia, Florianópolis, v. 2, n. 2, p. 07-32, 2009.

BIEMBENGUT, M. S. Mapeamento na Pesquisa Educacional. Rio de Janeiro: Ciência Moderna, 2008.

BIEMBENGUT, M. S. Modelagem na Educação Matemática e na Ciência. 1ª ed. São Paulo: Editora Livraria da Física, 2016.

BIEMBENGUT, M. S., HEIN, N. Modelagem matemática no ensino. 4ª ed. São Paulo: Editora Contexto, 2007.

BIEMBENGUT, M. S. Concepções e Tendências de Modelagem Matemática na Educação Brasileira. Cuadernos de Investigación y Formación en Educación Matemática, San Pedro, ano 7, vol. 10, p. 195-204, 2012.

BIEMBENGUT, M. S. Modelagem matemática no ensino fundamental. Blumenau: Edifurb, 2014.

BIEMBENGUT, M. S.; HEIN, C. Modelagem matemática no ensino. 5ª ed. São Paulo: Contexto, 2009.

BOGDAN, R.; BIKLEN, S. Investigação qualitativa em Educação: uma introdução à teoria e aos métodos. Tradução: Maria João Alvarez, Sara Bahia dos Santos e Telmo Mourinho Baptista. Lisboa: Porto Editora, 2010.

BURAK, D. Modelagem Matemática e a sala de aula. In: I Encontro paranaense de modelagem em Educação Matemática, 2004, Londrina. Anais [...]. Londrina: Universidade Estadual de Londrina, 2004, v. 1, n. 1, p. 10.

BURAK, D. Modelagem Matemática: ações e interações no processo de ensino aprendizagem. 1992. Tese (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 1992.

BURAK, D. Uma perspectiva da Modelagem Matemática para o ensino e a aprendizagem da Matemática. In: BRANDT, Celia Finck; BURAK, Dionísio; KLÜBER, Tiago Emanuel (Orgs.). Modelagem Matemática: perspectivas, experiências, reflexões e teorização. 2. ed. rev. ampl. Ponta Grossa: UEPG, 2016.

CALDEIRA, A. D. Modelagem Matemática: um outro olhar. Alexandria: Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, Florianópolis, v. 2, n. 2, p. 33-54, 2009.

COSTA, P. R. A. Processos Criativos e seus casos e acasos: Designers de Interiores. 2016. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Programa de Pós-graduação em Sociologia, Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2016.

FIORENTINI, D. et al. Formação de professores que ensinam matemática: um balanço de 25 anos da pesquisa brasileira. Educação em Revista, Belo Horizonte, n.36, p. 137-160, 2002.

GARDNER, H. Arte, Mente e Cérebro. Tradução: Sandra Costa. Porto Alegre: Artmed, 1999.

GARDNER, H. Cinco mentes para o futuro. Tradução: Roberto Cataldo Costa. Porto Alegre: Artmed, 2007.

GATTI, B. Formação de professores no Brasil: características e problemas. Educação & Sociedade, Campinas, v. 31, n. 113, p. 1355-1379, 2010.

GOMEZ, L. S. R. 4P’s do Design: uma proposta metodológica não linear de projeto. 2004. 142fls. Tese (Doutorado em Engenharia de Produção) - Curso de Pós-Graduação em Engenharia de Produção, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2005.

LUBART, T.. Psicologia da criatividade. Tradução: Márcia Conceição Machado Moraes. Porto Alegre: Artmed, 2007.

MADRUGA, Z. E. F.; BIEMBENGUT, M. S. Projetos arquitetônicos e suas relações com modelagem matemática. In: V Seminário Nacional de Histórias e Investigações de/em Aulas de Matemática, Campinas, 2015. Anais... Volume 3: Investigações de Aulas de Matemática. Campinas: UNICAMP, 2015. p. 256-270.

MADRUGA, Z. E. F.; BREDA, A. Mapeamento de produções recentes sobre Modelagem Matemática nos anos iniciais do Ensino Fundamental. REMAT: Revista Eletrônica da Matemática, Bento Gonçalves, v. 3, n. 1, p. 67-81, 2017.

MADRUGA, Z. E. F.. Processos criativos e valorização da cultura: Possibilidades de aprender com modelagem. 2016. Tese (Doutorado em educação em ciências e matemática) - Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemática, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2016.

MADRUGA, Z. E. F.; LIMA, V. M. Aprender com modelagem: relações entre modelagem (matemática) e processos criativos. Alexandria: Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, Florianópolis, v. 12, n. 2, p. 241-266, 2019.

MARTINS, D. A. A disciplina Modelagem na Educação Matemática na UFMG: percepção junto a estudantes e egressos do curso de Licenciatura em Matemática. 2017. Dissertação (Mestrado em Educação) - Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Educação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2017.

MEYER, J. F. C. A.; CALDEIRA, A. D.; MALHEIROS, A. P. S. Modelagem Matemática em Educação Matemática. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2013.

MORANDI, T. A. Urbanografia e criatividade coletiva: espaço, tempo e memória na constituição de processos criativos. 2019. Dissertação (Mestrado em Artes, Urbanidades e Sustentabilidade) - Programa interdepartamental de pós-graduação em artes, urbanidades e sustentabilidade, Universidade Federal de São João del-Rei, São João del Rei, 2019.

MOREIRA, M. A. Modelos científicos, modelos mentais, modelagem computacional e modelagem matemática: aspectos epistemológicos e implicações para o ensino. Revista Brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia, Ponta Grossa, v. 7, no. 2 (maio/ago), p. 1-20, 2014.

OBERZINER, A. P. B. Ensino de matemática no curso de arquitetura: uma proposta por meio de modelação matemática. 2012. Dissertação (Mestrado Profissionalizante em Ensino de Ciências Naturais e Matemática) - Programa de Pós-Graduação em Ciências Naturais e Matemática, Universidade Regional de Blumenau, Blumenau, 2012.

OSTROWER, F. Criatividade e processos de criação. 18ª ed. Petrópolis: Vozes, 2004.

PARADA, A. Criatividade e processos criativos: diálogos e controvérsias na produção acadêmica fundamentada na perspectiva histórico-cultural (2006-2012). 2013. Dissertação (Mestrado em Educação) - Programa de Pós-graduação em Educação, Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2013.

POLETTINI, A. F. F. História de vida relacionada ao ensino da Matemática no estudo dos processos de mudança e desenvolvimento de professores. Zetetiké, Campinas, v. 4, n. 5, p. 29- 48, 1996.

QUARTIERI, M. T. A Modelagem Matemática na escola básica: A mobilização do interesse do aluno e o privilegiamento da matemática escolar. 2012. Tese (Doutorado em Educação) - Programa de Pós-graduação em Educação, Universidade do Vale do Rio dos Sinos, São Leopoldo, 2012.

RIPARDO, R. Barros; OLIVEIRA, Marcelo; SILVA, F.H. Modelagem Matemática e Pedagogia de Projetos: aspectos comuns. Alexandria: Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, Florianópolis, v. 2, n. 2, p. 87-116, 2009.

SILVA, M. L. S.; MADRUGA, Z. E. Geometria e arquitetura: reflexões para propostas com modelagem. In: I Simpósio Sul-Americano de Pesquisa em Ensino de Ciências, n. 1, 2020, Cerro Largo. Anais do I SSAPEC. Cerro Largo: Universidade Federal da Fronteira Sul - UFFS, 2020.

TAMBARUSSI, C. M.; KLÜBER, T. E. A pesquisa em modelagem matemática no âmbito da educação matemática brasileira: um olhar epistemológico. Revista Paranaense de Educação Matemática, Campo Mourão, v. 3, n. 5, 2015.

TESSARO, A. Modelagem matemática como ambiente de aprendizagem e as representações emergidas de um grupo de alunos do ensino médio sobre suas aulas de matemática. 2015. 90 f. Dissertação (Mestrado em PPG em Ensino na Educação Básica) - Universidade Federal do Espírito Santo - CEUNES, Vitória, 2015.
Publicado
2021-09-30
Como Citar
Silva, M. L., & Madruga, Z. E. de. (2021). MODELAGEM MATEMÁTICA E PROCESSOS CRIATIVOS: MAPEAMENTO DE PESQUISAS RECENTES. Revista Paranaense De Educação Matemática, 10(22), 363-384. Recuperado de http://revista.unespar.edu.br/index.php/rpem/article/view/1157
Seção
Artigos Científicos