Métodos avaliativos para a aprendizagem na escola em uma perspectiva construtivista sociointeracionista: a prova escrita na disciplina de língua portuguesa

  • Lucas Cesar de Oliveira Universidade do Estado do Rio Grande do Norte, Campus de Pau dos Ferros-RN (UERN/CAPF).
  • Marcelo Liparini Vieira Universidade do Estado do Rio Grande do Norte, Campus de Pau dos Ferros-RN (UERN/CAPF).
  • Raimunda de Fátima Neves Coêlho Universidade Federal de Campina Grande, Campus de Cajazeiras-PB (UFCG/CFP)
Palavras-chave: Construtivismo Sociointeracionismo, Métodos Avaliativos, Prova Escrita, Língua Portuguesa

Resumo

Neste artigo, objetiva-se discutir a eficácia do trabalho com a prova escrita sob o viés do Construtivismo Sociointeracionismo nos Anos Finais do Ensino Fundamental na disciplina de Língua Portuguesa. Para tanto, adota-se um estudo bibliográfico de abordagem qualitativa. Os resultados apontaram para o fato de que, em relação à prova tradicional, a construção de conhecimentos é bastante limitada, e que a prova construtivista sociointeracionista é um método avaliativo produtivo que auxilia no desenvolvimento sociocognitivo do discente. Sendo assim, ressalta-se que o ato de avaliar deve levar em consideração todos os segmentos da instituição escolar, observando quais foram os objetivos propostos e quais deles foram alcançados, distanciando-se da ideia quantitativa extrema de classificação, principalmente quando lida-se com a prova escrita.

Publicado
2020-09-27
Seção
Artigos de fluxo contínuo