Fotografia na/da escola: dispositivos móveis, redes sociais e expressão

  • Gabriela Fiorin Rigotti FIMI / UniAnchieta
  • Érika Daiane Rosa
Palavras-chave: Educação Estética. Fotografia. Dispositivos Móveis. Redes Sociais.

Resumo

Este artigo tem por objetivo abordar a fotografia como produto cultural e artístico e como exercício crítico e expressivo na escola. Isso porque a evolução das máquinas e a cultura social influenciam diretamente as produções das imagens e, com o aparecimento dos celulares com câmeras e com a facilidade de compartilhamento de fotografias em redes sociais, o significado cultural das fotos tem se transformado. Nesse cenário, os/as educadores/as precisam sensibilizar a si mesmos/as e a seus/suas alunos/as para que percebam a dimensão que uma fotografia pode atingir, sobretudo na atualidade. Defendemos, portanto, que é premente despertar o interesse e o olhar crítico dos/as próprios/as educadores/as e também das crianças, desde as menores, sobre as fotografias sacadas e sobre o potencial artístico e expressivo que carregam.

Publicado
2020-09-21
Seção
Artigos de fluxo contínuo